Moto e chuva: uma dupla que exige atenção

Em geral, motociclistas não são fãs de pilotar na chuva. Quando isso acontece, é importante estar atento a algumas dicas de segurança, pois em dias chuvosos, todo cuidado é pouco.

 

É importante estar preparado, pois um belo dia de sol rapidamente pode virar um temporal. Se isso acontecer, tenha sempre um macacão e botas de chuva acessíveis. Outro ponto é o capacete: não há limpador de pára-brisas, portanto, é preciso se acostumar a ver um monte de gotinhas na viseira. Existem alguns produtos que evitam que as gotas fiquem “presas” na viseira, assim como desembaçantes, que devem ser passados por dentro da viseira.

 

Além disso, nunca ande por cima das faixas das pistas, elas são extremamente escorregadias quando molhadas e, se a chuva apertar, procure um lugar coberto e espere, pilotar em chuva forte é extremamente perigoso.

COMPARTILHAR NAS REDES:
DICAS

A embreagem só deve ser acionada quando houver necessidade. 

Fique atento à calibragem correta da sua moto.